headerphoto


A cura pelo limão

O limão é considerado a fruta de maior valor medicinal que existe. Extensamente utilizado no tratamento e prevenção de variadas enfermidades. Veja neste artigo porque o uso do limão vai além das gripes e resfriados.

Limoeiro

Como seu consumo não possui contra-indicação, vale a pena experimentar esta fruta para fins terapêuticos. Não temos nada a perder, além de nos deliciamos, e obter mais saúde para nosso corpo.

Durante a idade média, era recomendado o uso pelos marinheiros em navegações, para evitar o escorbuto, doença que aparecida devido a falta de vitamina C e era responsável por muitas mortes.

Muitas pesquisas científicas foram realizadas com o limão, constatando sua eficácia para doenças como artrite, gota, reumatismo, arteriosclerose e no envelhecimento. Comprovou-se que o ácido cítrico possui diversas funções no organismo, entre elas: alcalinizar o sangue,combatendo assim os radicais livres, que são os ácidos prejudicias que vão se acumulando no sangue, impregnando os órgãos e tecidos, favorecendo o surgimento das doêncas. A acidez em nosso corpo é originada pela alimentação errada, e também por fatores psíquicos e mentais, como pensamentos e emoções negativas. É fácil perceber que de acordo com nosso estado psicológico (medo, agitação, ansiedade), são lançados diversos hormônios no sangue, alterando todo o metabolismo, incluindo o aumento da produção de ácido pelo estômago.

Muitos terapêutas consideram a acidez no organismo a grande vilã da saúde, baixando a imunidade e favorecendo o aparecimento das enfermidades. Parece contraditório, mas ao entrar no organismo, o suco do limão, que é de natureza ácida, sofre um processo de alcalinização pelo organismo, neutralizando todo o ácido.

Nossos antepassados já usavam o limão como detergente, na limpeza de sujeiras difíceis, incluindo a higiene das axilas, pois era a única maneira de eliminar o mau cheiro. Você mesmo pode testar estas propriedades. Não há sabonetes ou outros produtos com a capacidade de limpeza do limão. Da mesma forma, ao ingerir o suco, nosso organismo é completamente desinfectado, limpando o sangue e fazendo o equilíbrio do pH.

Tratamentos com o limão:

A cura do limão é muito famosa. Recomenda-se que se faça na lua nova, para aumentar seu efeito desintoxicante e emagrecedor. Procede-se da seguinte forma:

No primeiro dia usar o suco de um limão. Segundo dia, dois limões, e assim sucessivamente até completar dez limões, quando estiver no décimo dia. Depois vai decrescendo, isto é, no décimo primeiro dia usa-se o suco de nove limões até chegar outra vez em um limão no vigésimo dia.

Durante o dia, ingerir muitas frutas e verduras, para ajudar no bom funcionamento dos intestinos. Algumas reações do corpo indicam a desintoxicação, como: secreção de catarro bela garganta e nariz, urticária, furúnculos, etc.

Outro método simples é consumir o suco de um limão em jejum todo dia, sem açúcar, meia hora antes de tomar café. É aconselhável consumir de 3 a 4 limões durante o dia para obter um maior efeito curativo.

O limão cru com casca e sem as sementes, batido no liquidificador com mel puro (um limão para 1 copo de mel), dá um bom antibiótico, para infecções de garganta, sinusite, catarro, etc.

Relação de males que são combatidos pelo suco de limão:

Ácido úrico, acne (espinhas), afonia, anorexia, bronquite, brotoeja, bursite, câimbras, cálculos em geral, herpes, acidez estomacal, dores estomacais, azia, flatulência, arrotos, diabetes, convalescença (fraquezas em geral).

Previne gripes e resfriados e recupera o cansaço, pois apenas 1 limão possui cerca de 60% da quantidade de vitamina C necessária para um adulto. Lembre-se de consumir rapidamente o limão, pois a vitamina C evapora-se rapidamente em contato com o ar.

Conhecido também por aumentar a absorção de ferro e cálcio pelo organismo, fato que tornou o suco de couve com limão muito recomendado pelos médicos.

Recomendações:

Ao usar o limão na pele, não a exponha ao sol, pois provocará queimaduras (a pele ficará escura), embora possa não causar dor, levará vários dias para voltar ao normal.

Não tomar suco de limão ou usá-lo em conjunto com amidos (pão, arroz, etc), pois são incompatíveis e dificultam a digestão.

Não é aconselhável usar com tomate e com vinagre.